Imprimir

ASTROFILITA

ASTROFILITA

ASTROFILITA

ETIMOLOGIA: Do grego, astron (estrela) e phyllon (folha).

SISTEMA DE CRISTAL: Triclínico.

PRINCÍPIO DE FORMAÇÃO: Primário.

CLASSE MINERAL: Silicatos.

FÓRMULA QUÍMICA, ELEMENTOS MINERAIS:  (K, Na) 3 (Fe + Mn) 7Ti2Si8O24 (O, OH) 7.

DUREZA: 3-4 na escala de Mohs.

DEPÓSITOS: Rússia (Kola), Noruega (Langesun, Bratholm, Stoko), EUA (Colorado), Groenlândia, Canadá (Mt.Saint Hilaire).

MINEROLOGIA: Ela é freqüentemente associada em sienitos, granitos e pegmatitos alcalinas. Tem na sua composição de titânio, de zircónio, de ferro, de manganês, de sódio e de potássio. Cristais com hábito tabular de contorno hexagonal, alongada e geralmente irradiada. Agulhas com boa exfoliação e frágeis.

MITOLOGIA E CURIOSIDADE: A astrofilita foi descoberta em 1854 na Ilha Laven (Irã).

PROPRIEDADES: Fornece inspiração, veracidade. Nos ajuda a tomar consciência das necessidades. Potencializa a resolução de negócios inacabados, nos ajuda a nos expressar corretamente.

CHAKRAS: Plexo solar.

SIGNO DO ZODÍACOGêmeos.

USOS: Coleção, Meditação, Jóias.