Imprimir

ARCANITA

ARCANITA

ARCANITA

Os minerais são compostos de átomos, íons ou moléculas.

Na cristalização, esses átomos, íons ou moléculas são ordenados de tal forma que se tornam cristais (formas geométricas que podemos ver a olho nu).

Alums são fáceis de cristalizar. Os alúmen consistem em uma molécula de alumínio de potássio e outra de um sulfato de metal (geralmente sulfato de potássio ou cobre, embora também seja ferro).


Os cristais se formam sob a superfície da Terra. Água, temperatura e pressão são os fatores ambientais que permitem a formação de cristais e moldam sua estrutura. Cada cristal tem uma composição química diferente, na qual depende a estrutura e o tamanho do cristal.

O arcanita (K2SO4) é uma gema de vidro de sulfato de potássio avermelhado que foi cultivada em um laboratório na Polônia. É um ponto de cristal duplo brilhante e acabado em uma matriz de base com uma cor laranja avermelhada e é muito parecido com a cerveja de raiz.

Para mais informacao: http://cristalizaciondeminerales.blogspot.com.es/